sábado, 7 de agosto de 2010

Masquerade.


Entrei pelos fundos. Não queria ser notada, ainda mais depois de tudo. Digo, não de ter perdido todo o dinheiro da irmandade, isso meu pai daria um jeito. Mas sim por ter levado um fora do meu melhor amigo de anos, o cara mais popular daqui. Nós ficamos, mas ele não quis mais nada. E eu meio que surtei. Droga, era um baile de mascaras, não poderia ser tão ruim, afinal, eram mascaras, ninguém iria me reconhecer não é?

Respirei fundo, contei até dez, soltei o ar e passei pela porta. E mesmo sendo entrada dos fundos, todos olharam para mim e começaram a cochichar. Brigitha passou reto - seus longos cabelos loiros eram sua identidade -, London olhou e jogou um sorrisinho idiota. Sua máscara me dava medo. Bem a cara dele. Entrei e pedi uma bebida ao barman, que alias me serviu de mal gosto. As noticias correm rápido aqui na irmandade. Bela irmandade, aliás. Cadê as amigas essas horas? Peguei minha bebida e me sentei num banco. Então ele entrou, porque, mesmo com a máscara reconheci os seus olhos azuis. Meu ex melhor-amigo-ficante. Todos os olhares de absolutamente todas as garotas viraram para ele. E até alguns caras gays. Mas, sério, o que viram nele? Digo, além da beleza, do carisma, do jeito ótimo que ele te faz sentir? Tomei um longo gole da bebida, que estava forte. Lady Gaga berrava nas caixas de som. Algumas garotas, – que tinham namorados por acaso – pediram licença para ir ao banheiro. Ridículo. Zac sempre odiou saidinhas. Será por isso que ele olhou bem para mim e sorriu? Deve estar comemorando por eu estar aqui, sozinha, sem ninguém e odiada. Ele veio até mim e todas me fuzilaram com o olhar. Eu, que estava virada para a festa, me voltei para o barman. Seus olhos brilhavam de ver o Zac. Ótimo, o barman era gay.

- Esqueçe, ele não joga no seu time. – disse por fim, antes que vomitasse de vê-lo tão feliz por isso. Ele me olhou com uma cara horrível, mas depois se voltou para o Zac, - agora do meu lado – com um sorriso ainda maior do que o último. Coisa que eu duvidava.

- O mesmo que o da moça. – pediu ele.

- Claro querido. – Respondeu o Barman. Eu engasguei com a bebida.

- Olá Clarie, linda noite não é? – Eu o olhei com cara de nojo. Porque estava falando comigo? O barman entregou a bebida o mais rápido que pode e ele tomou um gole.

- Seria se você não estivesse nela. – rebati e voltei em me concentrar em beber. Eu não o olhava, mas podia ver o sorriso no canto da sua boca. Também podia ver o quanto ele ficava sexy com aquela pólo agarrada e aqueles jeans. Os que eu dei para ele. E os olhos extremamente... Os jeans que eu dei para ele? Eu tinha mandado ele...

- O que você faz com os jeans que eu dei pra você? Te mandei jogar fora não foi? – Eu fui para cima dele. Não cheguei a bater nem nada, só fui para cima. Instinto. Zac apenas deu um sorriso de lado.

- Mandou, mas você sabe que eu não obedeço ordens Claire, e sabe ainda mais que amo de deixar brava não é? – Então ele me roubo um beijo. Não beijo de novela, nem nada. Só relou a boca na minha. Só. Eu já via alguns ossos sendo quebrados quando eu saísse daqui.

- O que você tá fazendo Zac? Quer que eu morra? Faz parte de mais algum plano idiota? – Ele vivia cheio de planos, idéias. É por isso que não quis ficar comigo, ele iria para um estágio fora do estado e não queria um relacionamento a distancia. Agora quase todos olhavam para mim.

- Claire, não precisa gritar, posso terminar de falar? – Ele agarrou os meus dois braços com força, mais eu não queria mais saber de nada.

- Não Zac, você não pode deixar suas fãns esperando. – Fiz todo meu esforço para me soltar de seus braços, e consegui. Sai de lá pisando forte, com a cabeça levantada.


-


Eei, eu não abandonei aqui! O único problema era esse computador aqui, mas hoje ele está bonzinho (: Tem continuação, e tenho mais coisas para postar.

Lovelovelove! A.

3 comentários:

Vicky Doretto disse...

Menina quanto tempo!! rs ^-^
AH, eu adorei e quero saber a continuaão dps, tá? ^-^

bjão =^.^=

Anônimo disse...

NOOOOOOOOOOOOOOOOSSA amei *-* Eu amo esse nome, zac. Me lembra meu bebê efron <3
Tenho que ler esse livro ;s

Beijos

Carolina Hermanas disse...

PC sempre dando problemas.AHHAHA
-

AAAAAAMEIIIII,*_*, tem que continuar logo.Eu sempre fui xonada pelas tuas histórias \o/

-

Beeijão ♥