sábado, 11 de setembro de 2010

You're gone.


Lagrimas embaçam a minha visão assim que o seu carro vira a esquina. Não era para ser assim, não era para você me deixar. Sei que está seguindo seu sonho de sair dessa pequena cidade, onde todo mundo conhece todo mundo. Eu não entendo. Você quer que as pessoas te conheçam, mas não quer conhecer as pessoas. É isso mesmo? Então você está deixando o lugar em que as pessoas te amam pelo que você é, para ir para um lugar em que as pessoas se apaixonarão pela sua fama, suas roupas ou até o seu corte de cabelo? Não sei se teria a mesma coragem e, sabe, eu estava feliz de você cantar para eu dormir. Agora só vou poder te ouvir cantar pelo rádio, porque sei que você não vai voltar. Pode vir aqui uma, ou duas vezes, mas depois você e esquecerá de tudo que passamos. Espero que um dia você cumpra a sua promessa e cante a nossa música para eles. Eu quero poder ouvi-la para me lembrar de você. E por favor, não se esqueça dela. Porque daqui uns anos, será tudo o que restou de nós.

4 comentários:

Vicky Doretto disse...

Nossa, muito lindo mas muito triste também... é triste quando as coisas acabam... mas quando eles precisam ir, só o que temos a fazer é lembrar mesmo...

Bjão

bruna ! disse...

profundo amiga, beeeeeeeeem profundo ! mas eu ameei ;D
HAHAHAHA, e seu fundo tbm ta legal, eu nem tinha visto ! :O
bjbj !

Anônimo disse...

UAHUAHUAHUA,
owwnt !
parece tim mequi grau !
AHAHUAHU, adoooro !

; ) disse...

amei *-*